RISOTO À LA PIEMONTESE

O piemontês foi a primeira língua dos emigrantes que deixaram o Piemonte, no período 1850-1950, para França, Brasil, Argentina, Uruguai e Estados Unidos. 

Arroz à Piamontese é um prato típico da culinária brasileira (não da culinária do Piemonte, na Itália), à base de arroz, creme de leite e champignon.

 A despeito de sua origem, é um acompanhamento geralmente servido em restaurantes de cozinha italiana, acompanhando um filé juntamente com batatas fritas. (Wikipédia)

INGREDIENTES

2 tabletes de caldo de legumes

4 colheres (sopa) de manteiga

150 gramas de presunto (cortado em cubos)

1 cebola picada

1 e 1/2 xícara de arroz arbóreo

1 xícara de vinho branco seco

1 xícara de champignons fatiado

1 cx de creme de leite

1/2 xícara de queijo parmesão ralado

Aqui em receitas já coloquei duas de como fazer os: Risoto de Abobrinha e Risoto de Camarão, é só clicar em cima e ver como se faz.

Em uma panela ferva 1 litro de água e dissolva os tabletes do caldo de legumes.

Em outra panela, derreta a manteiga e refogue a cebola e depois o presunto.

Adicione o arroz e o vinho.

Mexa até que o vinho tenha sido absorvido.

Vá juntando aos poucos o caldo e mexendo até que o arroz esteja ao dente.

Coloque os champignons, creme de leite e metade do queijo.

Retire e sirva a seguir polvilhado com o restante do queijo.

Sem palavras!!!

“O SENHOR JÁ OUVIU A MINHA SÚPLICA; O SENHOR ACEITARÁ A MINHA ORAÇÃO.”Salmos 6-9

 

 

FRANGO NO PAPILOTE

Gosto de receitas onde posso mexer, mudar temperos, substituir ingredientes, usar o que tenho na geladeira.

Com essa receita, inspirada numa da Rita Lobo, foi o que fiz e gostei bastante do resultado.

Tempere os filés de frango ou o peito inteiro desossado, com sal, pimenta do reino, páprica, tomilho, 1/2 xícara de vinho e azeite.

Use um prato fundo para colocar sobre ele um pedaço grande de papel alumínio.

Coloque o frango temperado sobre ele e acrescente ao lado, o que gostar ou tiver.

Eu coloquei palmitos, tomates cerejas, champignon, azeitonas e bastante cebola cortada ao meio.

Vá embrulhando pelos cantos até formar um papelote (tem que deixar um espaço grande em cima e ao lado).

Leve ao fogo pré aquecido em 200° por mais ou menos 30 minutos.

Retire e abra o papelote com cuidado por causa do vapor.

Fica super bonito!

O melhor é que nem temos forma e panela para lavar!!!

Sirva com arroz branco.

Sucesso na certa!

“EIS QUE ESTOU À PORTA E BATO; SE ALGUÉM OUVIR A MINHA VOZ E ABRIR A PORTA, ENTRAREI EM SUA CASA E COM ELE CEAREI, E ELE, COMIGO.”Apocalipse, 3- 20

 

 

 

 

ABÓBORA CABOTIÁ COM CHARQUE (da SONIA)

Eu tenho muita sorte!

Minhas visitas me ajudaram prá valer: uma limpava casa e a outra fez essa maravilha de comida!

(Sonia com o prato pronto)

Eu só fiquei aprendendo e fotografando o passo a passo e as dicas que ela deu.

Por exemplo: como a casca da abóbora cabotiá é muito dura, ela colocou numa panela e deixou ferver um pouco; aí ficou bem mais fácil para descascar.

Aí então ela cortou em pedacinhos e reservou.

O charque ela também cortou em pedacinhos (isso depois de ter deixado de um dia para o outro em água e trocado várias vezes para sair todo o sal).

Em uma panela grande colocou óleo e fritou bastante cebola picadinha.

Depois juntou o charque e deixou fritar um pouco.

Colocou meio pacote de molho de tomate.

Nessa hora o cheiro bom já estava em toda cozinha!

Aí juntou a abóbora cortadinha.

Deixou cozinhando ( foi colocando água aos poucos) até as duas estarem bem macias.

Ela costuma colocar shitake, mas como não encontramos, colocou dois vidros de champignon.

Por último, depois de ver o sal e colocar pimenta do reino, juntou um vidro de requeijão cremoso.

Pronto!!!

Demais de bom!!!

Obrigada, amiga por mais essa gostosura para o meu blog!!!

“COM OS IDOSOS ESTÁ A SABEDORIA, E NA ABUNDÂNCIA DE DIAS, O ENTENDIMENTO.” Jó, 12- 12

MIGNON AO MOLHO MOSTARDA

Tenho uma panela que é o meu xodó!

Ela é elétrica, com uma tampa de vidro,  um ótimo tamanho e nela faço mil coisas.

Essa receita fica maravilhosa feita nela.

fotos p blog 014

 

INGREDIENTES

filé mignon

sal e pimenta do reino

manteiga (para fritar e depois para o molho)

1 cebola

2 dentes de alho

1 vidro de champignon

1/2 xícara de mostarda

1 caixa de creme de leite

1/2 xícara de água

 

Tempere os bifes (cortados bem grossos) com o sal e pimenta.

Numa panela coloque um pouquinho de manteiga e vá fritando aos poucos.

Reserve.

Na mesma panela, coloque 1 colher bem cheia de manteiga e frite o alho e cebola.

Junte o champignon.

Coloque a mostarda e a água.

Envolva a carne nesse molho e jogue o creme de leite, misturando levemente.

Observação: se quiser mais molho, coloque mais mostarda e água e 1 colher de farinha de trigo (desmanchada na água fria) para encorpar.

 

fotos p blog 021

 

Eu servi esse prato acompanhado de arroz branco e batatas assadas (que logo passarei a receita).

Fica bom demais!!!