SALMÃO ESPECIAL

Nesses dias de quarentena obrigatória, não tem quem não foi para a cozinha inventar novos pratos!

E esse prato maravilhoso veio lá de Lisboa, Portugal, pelas mãos da minha filha Fabiane que já colocou aqui outra receita dela de Salmão, deliciosa também! (Cliquem para ver!)

Deu água na boca?

Pois prepare para experimentar essa delícia!

Vamos aos INGREDIENTES:

2 postas de salmão

sal, pimenta do reino, limão, azeite

1 pimentão verde

1 pimentão vermelho

1 maço de espinafre

1 caixinha de creme de leite

100 gramas de queijo muçarela

Tempere as postas do salmão com o limão, pimenta e sal.

Coloque azeite em uma forma e deite as postas, levando ao forno quente 200º já aquecido até assar levemente.

Enquanto isso, frite num fio de azeite os pimentões e o espinafre com um pouco de sal. Junte o creme de leite e mexa bem. Depois o queijo (ralado no lado grosso) e mexa com fogo baixo.

Coloque esse molho sobre as postas no forno e deixe até dourar.

Huuuuummmmm!!!!!!!!!!!!

E é claro que eu fiz essa receita para provar: o resultado foi que AMEI e vejam como ficou lindo o meu prato!

“EIS QUE FIZESTE OS MEUS DIAS COMO A PALMOS; O TEMPO DA MINHA VIDA É COMO NADA DIANTE DE TI; NA VERDADE, TODO HOMEM, POR MAIS FIRME QUE ESTEJA, É TOTALMENTE VAIDADE.” Salmos, 39-5

 

 

 

 

TEMPURA DE LEGUMES

UAU!!!

Quando pesquisei sobre a origem do Tempura, quase nem acreditei, porque achava ser originário do Japão ou da China. 

Qual não foi minha surpresa ao saber que ele é Português!

Isso mesmo!!!

“A receita do tempura (aqui no Brasil falamos tempurá) foi introduzida no Japão por missionários portugueses ativos particularmente na cidade de Nagasaki fundada igualmente por portugueses, durante o século XVI.” (Wikipédia)

E foi assim que depois de receber a receita pelo whatzap da minha irmã Raquel, fiz e matei minha vontade de comer essa delícia!

Então, vamos lá!

INGREDIENTES

1 xícara de água gelada

1 xícara de farinha de trigo

2 colheres (sobremesa) de vinagre

1 colher (café) de fermento

Legumes de sua preferência (eu coloquei cenoura, pimentão, abobrinha e couve flor).

Primeiro dei uma leve cozida na couve flor e piquei fininho todos os ingredientes.

Temperei com sal e aji no moto e reservei.

Mistura todos os ingredientes da massa e coloque a água bem gelada!!!

Misture bem e deixe a massa tipo massa de panqueca (não fica grossa).

Junte os legumes cortadinhos.

Em uma frigideira funda, coloque bastante óleo e deixa esquentar bem.

Vá colocando às colheradas para fritar.

Retire e coloque em papel toalha.

Eles ficam sequinhos e crocantes!!!

 

Obrigada, mana Raquel por essa receita que eu amei!!!

“ENSINA-ME, SENHOR, O TEU CAMINHO, E ANDAREI NA TUA VERDADE; UNE O MEU CORAÇÃO AO TEMOR DO TEU NOME.” Salmos, 86- 11

 

 

UM APERITIVO QUENTE PARA OS DIAS FRIOS

Minhas filhas sempre me surpreendem com suas incursões na cozinha.

Às vezes saem doces, salgados e até aperitivos como esse que veio de Luanda onde minha filha Viviane mora.

Ela não deu nome ao prato, mas como é feito no forno, coloquei esse nome…

Vamos aos INGREDIENTES:

4 tomates

1 pote de cream cheese

1 caixinha de creme de leite

sal e pimenta à gosto

azeite

Lave os tomates, retire as sementes e seque bem.

Pique miudinho e tempere com o azeite, sal e pimenta.

Reserve.

Em uma tigela misture o cream cheese com o creme de leite gelado e sem o soro.

Coloque em um refratário esse creme e por cima, os tomates temperados.

Leve ao forno somente para aquecer e sirva com torradinhas ou pão italiano.

Ela ficou me devendo a foto do aperitivo sendo servido… disse que quando viu, já tinha acabado…

Isso prova que fica prá lá de bom!!!

DEUS TENHA MISERICÓRDIA DE NÓS E NOS ABENÇOE; E FAÇA RESPLANDECER O SEU ROSTO SOBRE NÓS. PARA QUE SE CONHEÇA NA TERRA O TEU CAMINHO, E EM TODAS AS NAÇÕES A TUA SALVAÇÃO.” Salmos, 67- 1 e 2

 

 

FAROFINHA DE PINHÃO

Quando as temperaturas começam a cair, já se sabe que a época do pinhão está chegando. Semente da araucária, árvore muito comum no Sul do Brasil, o pinhão já foi injustamente rotulado como um alimento calórico, mas ele possui diversos benefícios para a saúde, além de ser delicioso e saudável.

O pinhão é conhecido por ter vários minerais, como cobre, zinco, manganês, ferro, magnésio, sódio, enxofre, fósforo e cálcio, além de ser rico em potássio, mineral que ajuda a controlar a pressão arterial. A semente também é fonte das gorduras “boas”, essenciais para o nosso corpo.

Então, como moro no sul e está em época de pinhão, vamos comê-lo de várias maneiras.

Foi assim que depois de cozido, fiz essa delícia de farofa.

INGREDIENTES

Bacon cortadinho

cebola, alho, sal e pimenta

cheiro verde

pinhão já cozido e cortado em pedacinhos

farinha de mandioca

Primeiro frite o bacon.

Junte a cebola picadinha e o alho, fritando bem na gordura que se soltou do bacon.

Coloque os pinhões e mexa bem.

Vá colocando a farinha aos poucos e tempere à gosto.

Junte cheiro verde picadinho.

Eu gosto mais da farofinha úmida, mas faça como achar melhor.

E é ou não é uma gostosura esse tal de pinhão?

Rima até com coração…

SABERÁS, POIS, QUE O SENHOR, TEU DEUS, É DEUS, O DEUS FIEL, QUE GUARDA O CONCERTO E A MISERICÓRDIA ATÉ MIL GERAÇÕES AOS QUE O AMAM E GUARDAM OS SEUS MANDAMENTOS.” Deuteronômio, 7- 9

 

 

 

 

SALADA DE MACARRÃO

Lembrei dessa receita porque houve um tempo em que fazíamos muito em casa.

A salada de macarrão é também conhecida como “Macarronese”, uma mistura deliciosa de macarrão com maionese.

E se quiser, pode sofisticar no preparo e apresentação do prato, como eu fiz!

Mas o melhor mesmo, é aproveitar o que tem em casa e usar a imaginação.

Vamos aos INGREDIENTES:

Macarrão parafuso

cenoura ralada

tomate picadinho

Cebola picadinho ( eu preferi não colocar para ficar mais suave)

sal, pimenta e manjericão (porque tenho em minha horta)

azeitonas

milho verde

creme de leite

maionese

queijo e presunto picados

limão

Nessa receita você pode colocar a quantia que gostar, ok?

Primeiro é preciso cozinhar o macarrão em bastante água com sal.

Deixá-lo ao dente!

Coloque em uma escorredeira e passe uma água fria.

Reserve.

Enquanto isso, prepare os ingredientes, picando direitinho.

Junte ao macarrão já frio e um pouquinho do caldo de limão.

Se você observar a foto acima, vai ver que usei uma cenoura cozida, como eu disse, use o que você tem em casa.

Junte a maionese e o creme de leite, mexendo com cuidado.

Experimente, antes de colocar o sal e pimenta.

Mexa bem, coloque em um belo prato e leve à geladeira até a hora de servir.

Bom apetite!!!

“TU, QUE ME TENS FEITO VER MUITOS MALES E ANGÚSTIAS, ME DARÁS AINDA A VIDA E ME TIRARÁS DOS ABISMOS DA TERRA. AUMENTARÁS A MINHA GRANDEZA E DE NOVO ME CONSOLARÁS.” Salmos, 71- 20 e 21

 

MASSA DE PIZZA FACÍLIMA

Como eu gosto de pizza!

Já coloquei aqui no blog, uma receita deliciosa de uma amiga querida e escrevi até sobre o Dia da Pizza!

Mas ainda não tinha achado uma massa tão fácil e gostosa como essa!

De liquidificador!

Isso mesmo, então vamos aos INGREDIENTES!

1 xícara de leite

1 ovo

1 colher (chá) de sal

1 e meia colher (sopa) de manteiga

1 e meia xícara de farinha de trigo

1 colher (sopa) de fermento Royal

Coloque todos os ingredientes no liquidificador, na ordem acima, e bata até que se forme uma massa homogênea.

Unte uma forma e coloque a massa.

Espalhe em toda a forma.

Leve a assar em forno aquecido até a massa ficar firme (pré assada).

Retire e cubra com o recheio de sua preferência.

Eu coloquei: molho de tomate, milho verde, presunto, duas espécies de queijo, orégano e azeite.

Leve ao forno novamente até derreter bem o queijo.

Ficou maravilhosa!!!

Agora que aprendi essa massinha, só vai dar ela!

“O SENHOR AFASTOU OS TEUS JUÍZOS, EXTERMINOU O TEU INIMIGO; O SENHOR, O REI DE ISRAEL, ESTÁ NO MEIO DE TI; TU NÃO VERÁS MAIS MAL ALGUM.” Sofonias, 3- 15.

 

 

 

 

BATATAS INVENTADAS

E dando continuidade às invenções culinárias, eis que hoje me deparo com apenas alguns ingredientes em minha cozinha.

Na bandeja, 4 batatas e cebolas.

No quintal, meus temperos favoritos.

Na geladeira, coisas como azeitonas e requeijão cremoso.

No armário, azeite.

E vamos ver no que deu.

Primeiro descasque e leve para cozinhar as batatas em água e sal.

Não deixe cozinhar muito para não desmanchar.

Forre um pirex com azeite e cebola cortada.

Coloque as batatas cozidas e azeitonas.

Por cima coloquei: sálvia, manjericão, salsinha e alecrim e coloquei bastante requeijão. Reguei mais um pouco com azeite e levei ao forno.

O perfume é algo de maravilhoso!!!

E saiu esse prato, digno de um almoço surpreendente!

Nada como aproveitar o que temos e inventar novos pratos!

“NA VERDADE, A TERRA ESTÁ CONTAMINADA POR CAUSA DOS SEUS MORADORES, PORQUANTO TRANSGRIDEM AS LEIS, MUDAM OS ESTATUTOS E QUEBRAM A ALIANÇA ETERNA.” Isaías, 24- 5

 

 

 

MACARRÃO INVENTADO

Tem dias em que você não sabe o que vai fazer para o almoço, não é mesmo?

Ainda mais em dias como o que estamos passando…

Aí você abre a geladeira e olha como quem pergunta: o que temos?

Então começa a juntar um pouco disso, um pouco daquilo e, de repente: sai tudo isso!

Bom, primeiro achei o macarrão e já coloquei para cozinhar em bastante água e sal.

Aí encontrei três fatias de presunto, um pedaço de queijo muçarela, outro de queijo gouda e requeijão cremoso.

Peguei uma frigideira e coloquei um pedacinho de manteiga.

Quando derreteu, coloquei o presunto picadinho e fritei.

Em seguida, corri até o meu quintal e colhi algumas folhas de manjericão.

Coloquei os queijos e juntei o manjericão.

O perfume dele já subiu lindamente pelo ar da cozinha…

Quando os queijos derreteram, juntei o requeijão.

Tudo à gosto.

Nisso o macarrão já estava cozido e retirei para escorrer a água.

Então, juntei o macarrão na frigideira onde o molho já estava pronto e mexi cuidadosamente.

Como é que pode, um prato sem planejamento, com coisas da geladeira, pode ficar tão bom?

Até vale a pena repetir a primeira foto, não?

“SEMEAI PARA VÓS EM JUSTIÇA, CEIFAI SEGUNDO A MISERICÓRDIA; LAVRAI O CAMPO DE LAVOURA; PORQUE É TEMPO DE BUSCAR O SENHOR, ATÉ QUE VENHA, E CHOVA A JUSTIÇA SOBRE VÓS.”Oseias, 10- 12

 

COSTELINHA DE PORCO DE PANELA

Eu amo carne de porco, e essa receita é tão boa, mas tão boa, que ainda sinto o cheiro dela enquanto a preparava!

2 quilos de costelinha de porco (para 6 pessoas)

INGREDIENTES

6 colheres (sopa) de shoyo

6 colheres (sopa) de azeite

4 colheres (sopa) de mostarda

6 dentes de alho amassados

4 colheres (sopa) de água

pimenta do reino, sal, folha de louro, sálvia.

Tempere a carne e deixa nesse molho por umas duas horas ou mais.

Eu deixei em uma vasilha, tampei e mexia de vez em quando.

Corte duas cebolas grandes em tiras e forre com elas o fundo de uma panela de pressão.

Coloque a carne temperada por cima, tampe a panela e deixe (depois que pegar a pressão) por 15 minutos.

Foi o suficiente para ela ficar macia e juntar aquela borra escura no fundo, que é o que deixa a carne mais saborosa.

Eu preferi retirar da pressão e colocar em uma panela de ferro, onde fui colocando muito devagar um pouco de água enquanto ela pegava uma cor.

Gente, ficou super gostosa, macia e daquelas de comer de joelhos!

Ah sim, fiz um purê de batata doce e arroz branco para acompanhar, além de jogar um pouquinho de cheiro verde, colhido do meu quintal!

ASSIM DIZ O SENHOR: PONDE-VOS NOS CAMINHOS, E VEDE, E PERGUNTAI PELAS VEREDAS ANTIGAS, QUAL É O BOM CAMINHO, E ANDAI POR ELE; E ACHAREIS DESCANSO PARA A VOSSA ALMA…” Jeremias, 6- 16

 

TORTEI DA RUTH DEITOS

Tortéi é um prato típico da culinária italiana muito presente nas mesas das famílias de imigrantes italianos e em muitos restaurantes do sul.

Ruth, é quem fez essa delícia para mim, que nunca tinha experimentado.  E foi ela, Ruth Deitos, de 85 anos, a escolhida como “Empreendedora Destaque 2020”pela Câmara da Mulher de Campo Mourão. É ela quem comanda o restaurante A Varanda  e essa homenagem é mais que merecida!

Pois é… meu afilhado Maximiliano Deitos, é juiz em Ji Paraná, em Rondônia e sobrinho da Ruth e  por ele vir passar as férias aqui em Campo Mourão, foi que pude almoçar com eles onde comi essa delícia.

(Eu e Max)

Cheguei mais cedo e pedi permissão para fotografar as etapas do Tortéi.

A massa ela fez, mas pode ser usada a de pastel ou lasanha.

O recheio é feito com:

1 abóbora cabotiá

cebola picadinha

manteiga

temperos como: sal, açúcar, noz moscada, canela em pó

Frita a cebola na manteiga e junta a abóbora picadinha e refoga colocando água aos poucos até ficar uma massa.

Esse recheio fica levemente adocicado e se ficar um pouco aguado, coloque um pouquinho de farinha de rosca.

Tem que colocar uma colherada em cada massa e fechar como pastel.

Cozinhe em uma panela grande com bastante água e um pouquinho de sal.

Ruth já tinha preparado o frango com bastante molho e disse que o melhor mesmo é quando fazia com galinha caipira.

Aí ela começa a montagem em um pirex:

primeiro os pastéis, depois o frango com molho e bastante queijo ralado por cima e vai fazendo as camadas!

Gente, é sensacional!!!!!!!

Olhem meu prato como ficou:

Achei muito bonito porque antes de sentarmos à mesa, a Beatriz, irmã da Ruth, falou sobre o costume da família que sempre quando fazem esse prato, agradecem a Deus.

E foi isso que fizemos, orando a oração do Pai Nosso.

Ruth, obrigada pela paciência em me dar a receita e por ser a pessoa doce que você é! Continue nos dando a alegria de sua companhia por muitos e muitos anos ainda!

“BENDITO O VARÃO QUE CONFIA NO SENHOR, E CUJA ESPERANÇA É O SENHOR. PORQUE ELE SERÁ COMO A ÁRVORE PLANTADA JUNTO ÀS ÁGUAS, QUE ESTENDE AS SUAS RAÍZES PARA O RIBEIRO E NÃO RECEIA QUANDO VEM O CALOR, MAS A SUA FOLHA FICA VERDE; E, NO ANO DE SEQUIDÃO, NÃO SE AFADIGA NEM DEIXA DE DAR FRUTO.” Jeremias, 17- 7 e 8