TORTEI DA RUTH DEITOS

Tortéi é um prato típico da culinária italiana muito presente nas mesas das famílias de imigrantes italianos e em muitos restaurantes do sul.

Ruth, é quem fez essa delícia para mim, que nunca tinha experimentado.  E foi ela, Ruth Deitos, de 85 anos, a escolhida como “Empreendedora Destaque 2020”pela Câmara da Mulher de Campo Mourão. É ela quem comanda o restaurante A Varanda  e essa homenagem é mais que merecida!

Pois é… meu afilhado Maximiliano Deitos, é juiz em Ji Paraná, em Rondônia e sobrinho da Ruth e  por ele vir passar as férias aqui em Campo Mourão, foi que pude almoçar com eles onde comi essa delícia.

(Eu e Max)

Cheguei mais cedo e pedi permissão para fotografar as etapas do Tortéi.

A massa ela fez, mas pode ser usada a de pastel ou lasanha.

O recheio é feito com:

1 abóbora cabotiá

cebola picadinha

manteiga

temperos como: sal, açúcar, noz moscada, canela em pó

Frita a cebola na manteiga e junta a abóbora picadinha e refoga colocando água aos poucos até ficar uma massa.

Esse recheio fica levemente adocicado e se ficar um pouco aguado, coloque um pouquinho de farinha de rosca.

Tem que colocar uma colherada em cada massa e fechar como pastel.

Cozinhe em uma panela grande com bastante água e um pouquinho de sal.

Ruth já tinha preparado o frango com bastante molho e disse que o melhor mesmo é quando fazia com galinha caipira.

Aí ela começa a montagem em um pirex:

primeiro os pastéis, depois o frango com molho e bastante queijo ralado por cima e vai fazendo as camadas!

Gente, é sensacional!!!!!!!

Olhem meu prato como ficou:

Achei muito bonito porque antes de sentarmos à mesa, a Beatriz, irmã da Ruth, falou sobre o costume da família que sempre quando fazem esse prato, agradecem a Deus.

E foi isso que fizemos, orando a oração do Pai Nosso.

Ruth, obrigada pela paciência em me dar a receita e por ser a pessoa doce que você é! Continue nos dando a alegria de sua companhia por muitos e muitos anos ainda!

“BENDITO O VARÃO QUE CONFIA NO SENHOR, E CUJA ESPERANÇA É O SENHOR. PORQUE ELE SERÁ COMO A ÁRVORE PLANTADA JUNTO ÀS ÁGUAS, QUE ESTENDE AS SUAS RAÍZES PARA O RIBEIRO E NÃO RECEIA QUANDO VEM O CALOR, MAS A SUA FOLHA FICA VERDE; E, NO ANO DE SEQUIDÃO, NÃO SE AFADIGA NEM DEIXA DE DAR FRUTO.” Jeremias, 17- 7 e 8

 

 

PURÊ DE BATATA DOCE

A batata doce é um dos tubérculos mais consumidos no Brasil. O alimento é uma fonte de carboidrato muito saudável, é benéfica para a dieta, por isso bem consumida por quem quer emagrecer.

E esse purê feito com ela, acompanha bem todos os tipos de carne assada ou com um ragu de carne e que foi o que fiz.

INGREDIENTES

2 batatas doces

1/2 caixinha de creme de leite

1/3 de xícara de leite

1 colher (sopa de manteiga)

Descasque e corte as batatas e leve para cozinhar com um pouquinho de sal até ficarem macias.

Retire e ainda quente, amasse com um garfo.

Na mesma panela onde cozinhou, coloque as batatas amassadas e a manteiga, depois o leite e mexa bem.

Junte o creme de leite e mexa até começar a ver o fundo da panela.

Retire e coloque em um prato.

Nesse dia fiz um ragu de carne e coloquei por cima.

Ficou uma combinação perfeita!!!

“MELHOR É A SABEDORIA DO QUE AS ARMAS DE GUERRA, MAS UM SÓ PECADOR DESTRÓI MUITOS BENS”. Eclesiastes, 9- 18

BOLINHO DE ESPINAFRE

O espinafre tem tantos nutrientes que é considerado um superalimento. Essa folha é rica em vitaminas A e C – que têm ação antioxidante -, vitamina K e vitaminas do complexo B. Também é fonte de fósforo e potássio, além de ser uma excelente opção para combater a anemia, já que é rico em ferro. (Wikipédia)

E esse bolinho feito com ele, é de comer de joelhos!

1 maço de espinafre

1 ovo

5 colheres (sopa) de farinha de trigo

1 colher (sobremesa ) de fermento

leite (até dar ponto)

sal, pimenta do reino

óleo para fritar

Primeiro escalde bem o espinafre em água fervente e pique bem miudinho.

Numa tigela bata o ovo com o leite, farinha, temperos e fermento.

Junte o espinafre.

Coloque óleo em uma panela e vá colocando colheradas da massa, fritando bem nos dois lados.

Retire e coloque em uma travessa forrada com papel toalha.

Sirva quente e delicie-se!!!

“E JESUS LHES DISSE: EU SOU O PÃO DA VIDA; AQUELE QUE VEM A MIM NÃO TERÁ FOME; E QUEM CRÊ EM MIM NUNCA TERÁ SEDE”. João, 6- 35

 

 

RISOTO À LA PIEMONTESE

O piemontês foi a primeira língua dos emigrantes que deixaram o Piemonte, no período 1850-1950, para França, Brasil, Argentina, Uruguai e Estados Unidos. 

Arroz à Piamontese é um prato típico da culinária brasileira (não da culinária do Piemonte, na Itália), à base de arroz, creme de leite e champignon.

 A despeito de sua origem, é um acompanhamento geralmente servido em restaurantes de cozinha italiana, acompanhando um filé juntamente com batatas fritas. (Wikipédia)

INGREDIENTES

2 tabletes de caldo de legumes

4 colheres (sopa) de manteiga

150 gramas de presunto (cortado em cubos)

1 cebola picada

1 e 1/2 xícara de arroz arbóreo

1 xícara de vinho branco seco

1 xícara de champignons fatiado

1 cx de creme de leite

1/2 xícara de queijo parmesão ralado

Aqui em receitas já coloquei duas de como fazer os: Risoto de Abobrinha e Risoto de Camarão, é só clicar em cima e ver como se faz.

Em uma panela ferva 1 litro de água e dissolva os tabletes do caldo de legumes.

Em outra panela, derreta a manteiga e refogue a cebola e depois o presunto.

Adicione o arroz e o vinho.

Mexa até que o vinho tenha sido absorvido.

Vá juntando aos poucos o caldo e mexendo até que o arroz esteja ao dente.

Coloque os champignons, creme de leite e metade do queijo.

Retire e sirva a seguir polvilhado com o restante do queijo.

Sem palavras!!!

“O SENHOR JÁ OUVIU A MINHA SÚPLICA; O SENHOR ACEITARÁ A MINHA ORAÇÃO.”Salmos 6-9

 

 

POLPETTONE RECHEADO

Esse é um prato tipicamente italiano e bem familiar.

Fiz e coloquei no cardápio das “Comidinhas da Vovó” e quem já experimentou, adorou!

INGREDIENTES

Para temperar a carne:

1/2 quilo de carne moída (eu uso patinho)

sal, pimenta do reino e salsinha picada

1 dente de alho amassado

1 cebola pequena picadinha

1 pão francês embebido e 1/3 de xícara de leite

1 ovo

Observação: antes de começar, já pico bem o pão e coloco de molho no leite.

Junte tudo e amasse bem com as mãos.

Reserve.

Faça um molho (eu usei duas latas de tomate pelado) e reserve.

Prepare o próximo passo:

um prato com um ovo batido e um pouquinho de leite

um prato com farinha de rosca

fatias de queijo muçarela

Com as mãos molhadas pegue uma porção de carne, faça uma bola, amasse e coloque uma fatia do queijo bem dobrada e envolva-o.

Feche bem.

Vá passando um por um primeiro na farinha de rosca, depois no ovo batido e de novo na farinha de rosca.

Leve uma panela com óleo ao fogo e frite os polpettones dos dois lados, colocando depois sobre um papel toalha.

Arrume-os em um pirex, cubra com o molho de tomate e queijo parmesão ou muçarela.

Leve ao forno médio (180º) pré aquecido por cerca de 20 minutos.

Bom apetite!!!

“BEM AVENTURADO AQUELE CUJA TRANSGRESSÃO É PERDOADA, E CUJO PECADO É COBERTO.” Salmos, 32- 1

 

PÃO DE CABARÉ (NOVA VERSÃO)

Já coloquei aqui essa receita, mas hoje fiz de uma maneira bem diferente.

Primeiro porque não encontrei aqui esse pão cortado de comprido (especial para torta fria), segundo porque renovar é preciso.

Ficou super gostoso!

INGREDIENTES

2 Pães de forma sem casca cortado normalmente

2 cenouras raladas

1 vidro de palmito

1 lata de milho verde

azeitonas

queijo gouda (ou outro qualquer)

maionese

leite para umedecer as fatias

batata palha para enfeitar

Pique tudo bem picadinho.

Coloque em uma tigela e junte a maionese, pimenta do reino, sal (se precisar) e mexa bem.

Vá colocando uma a uma as fatias sobre um papel alumínio e umedeça com o leite.

Coloque uma quantia generosa sobre a fatia e cubra com outra e assim sucessivamente.

Deite os pães, arrume bem deixando uniforme e enrole no papel alumínio.

Eu faço sempre de um dia para outro, deixando na geladeira.

Quando for servir, coloque maionese em volta dele todo.

Depois disso, coloque muita batata palha sobre e em volta dele.

Esse eu fiz para um lanche com bastante pessoas; se vai fazer para poucas é só preparar a metade da receita.

Fica uma delícia!

“PORQUE O SENHOR REPREENDE AQUELE A QUEM AMA, ASSIM COMO O PAI, AO FILHO A QUEM QUER BEM.” Provérbios, 3- 12

 

 

 

COGUMELO PARA APERITIVO

Simples, delicados e muito poderosos! Os cogumelos são alimentos versáteis , funcionais e que podem harmonizar com as mais diversas receitas do dia a dia. Em seus mais inúmeros tipos (que se diferenciam por formatos, tamanhos, cores, sabores e aromas) eles também se destacam pelos benefícios que trazem à saúde.

(Esse é o cogumelo usado para essa receita)

Chamados de “fungos do bem”, por serem integrantes do Reino Fungi, os cogumelos possuem formas bem características: uma cabeça grande, que lembra o formato de um chapéu, mantido por um tronco fino. Eles podem variar sendo comestíveis, alucinógenos e venenosos, por isso, é de suma importância que seja adquirido em estabelecimentos, em feiras, mercados ou hortifruits, e não colhidos deliberadamente.

(conquistesuavida.com.br)

São 6 os tipos de cogumelos comestíveis: Paris, Shitake, Shimeji, Portobello, Porcini e Trufas.

Meu filho, Paulo Emílio, foi quem comprou esses cogumelos e fez essa receita.

Pois é, nem só de carne ele vive… (Leia-se Maria Macia)!

Eu, rapidamente, fui fotografando e anotando para postar mais essa delícia tão gostosa e tão fácil de fazer.

Primeiro ele tirou o cabinho (o tronco) e colocou em uma assadeira forrada com papel alumínio.

Cortou pedacinhos de manteiga bem gelada e colocou em cima.

Esse é o queijo cremoso que ele usou, mas pode ser outro à gosto.

Foi colocando generosamente por cima da manteiga.

Esse é o presunto que ele usou, mas da mesma forma, pode ser usado um outro tipo.

Como ele gosta muito de cebolinha verde, salpicou um punhadinho por cima, o que deu um gosto a mais.

Aí foi só levar ao forno já aquecido(180º), por trinta minutos e pronto!

Ficou maravilhoso!

E super nutritivo, pois são chamados de “Fungos do bem”!

“FILHO MEU, NÃO TE ESQUEÇAS DA MINHA LEI, E O TEU CORAÇÃO GUARDE OS MEUS MANDAMENTOS.” Provérbios, 3- 1

 

FRANGO COM MOLHO DE LEITE DE COCO

Essa receita lembra, na aparência, um estrogonofe.

Mas fica só na aparência porque o sabor do leite de coco dá um toque super especial e diferente.

INGREDIENTES

3 colheres (sopa) de óleo

1 cebola picada

1 dente de alho amassado

2 peitos de frango cortados em cubos

3 colheres (sopa) de molho de tomate

sal, pimenta

2 e meia xícaras de água fervente

2 colheres (sopa) de maisena

1/2 xícara de água fria

1 garrafinha de leite de coco

150 gramas de queijo prato ralado no lado grosso

Aqueça o óleo e doure a cebola e o alho.

Junte o frango e refogue até dourar.

Acrescente o molho de tomate, sal, pimenta e a água fervente deixando cozinhar por 15 minutos, mexendo de vez em quando.

Dissolva a maisena na água fria e junte ao refogado.

Em seguida o leite de coco.

Mexa até engrossar.

Junte o queijo e mexa rapidamente, retire do fogo e coloque em uma travessa funda.

Sirva com arroz branco e batata palha.

Um sabor delicioso!!!

“LANÇANDO SOBRE ELE TODA A VOSSA ANSIEDADE, PORQUE ELE TEM CUIDADO DE VÓS.” I Pedro, 5-7

 

 

ARROZ DE FORNO EM CAMADAS

Encontrei essa receita no Guia da Cozinha e como é bem diferente das que faço, resolvi experimentar e adorei!

INGREDIENTES

4 xícaras de arroz cozido

1/2 xícara de ervilha

1/2 xícara de milho

1 cenoura pequena ralada

1 xícara de palmito picado

1 copo de requeijão cremoso

200 gramas de queijo muçarela ralado

sal, pimenta e cheiro verde

Em uma tigela misture todos esses ingredientes e reserve.

Eu fiz uma arroz novo, mas você pode usar um arroz de dia anterior.

MOLHO

2 colheres (sopa) de azeite

1 cebola picada

 2 dentes de alho amassados

2 xícaras de carne assada desfiada

2 xícaras de molho de tomate

Refogue no azeite a cebola e o alho.

Junte a carne (eu usei uma carne, músculo, que sobrou de um ragu) e depois o molho de tomate. Deixe ferver e tempere, se precisar, com sal e pimenta.

Unte um pirex e coloque:

uma camada do arroz

em seguida, o molho da carne

depois o queijo

e assim sucessivamente.

Leve ao forno médio, já aquecido, por mais ou menos 15 minutos.

Uma gostosura!!!!!!!

“O QUE ENCOBRE AS SUAS TRANSGRESSÕES NUNCA PROSPERARÁ; MAS OS QUE AS CONFESSA E DEIXA ALCANÇARÁ MISERICÓRDIA.” Provérbios, 28-13

 

CREME DE MILHO

Penso que todos já fizeram um creme de milho, mas essa receita é a que mais eu faço e como fica tão boa, deixo aqui para vocês, caso queiram experimentar.

1 lata de milho verde

a mesma medida de leite

1 colher (sopa) de manteiga

1 cebola 

1 dente de alho

1 colher (sopa) rasa de farinha de trigo

1 caixinha de creme de leite

Primeiro bata em liquidificador o milho verde com o leite e reserve.

Doure na manteiga a cebola bem picadinha e o alho espremido.

Junte a farinha de trigo e deixe dourar.

Acrescente a mistura do liquidificador e tempere com sal e pimenta do reino.

Vá mexendo até ferver bem.

Junte o creme de leite, mexa, retire e coloque em um pirex.

Sirva com arroz branco e uma carne assada.

Delicioso sempre!!!

“PORVENTURA, NÃO CONHECERÁ DEUS ISSO? POIS ELE SABE OS SEGREDOS DO CORAÇÃO.” Salmos, 44- 21