A CASA DA VOVÓ

É gostosa e perfumada

cheira talco de jasmim.

As cortinas são xadrez

e os móveis em marfim.

 

Tem uma linda cristaleira

com bibelôs pequeninos.

Uma estante com mil livros

e um gato cheio de mimos.

 

Na cozinha tem a mesa

com bolachinhas de mel,

quando derretem na boca

é como entrar lá no céu.

 

No quarto, em cima da cama,

tem a colcha de retalhos

e minha foto sorrindo

em muitos porta retratos.

(Escrevi esse poema há bastante tempo e faz parte do material do aluno do Positivo).

image

(Essa guirlanda ganhei da minha amiga Rose, que disse que ela tem tudo a ver comigo…)

Pois é… passei 30 anos morando em apartamentos pequenos, próprios para uma pessoa sozinha como eu.

Mas eu sonhava com uma casa, que fosse grande, com uma mesa de jantar onde coubesse todos, um quarto pronto para receber meus filhos e netos, uma cozinha enorme onde pudesse fazer experimentos culinários, um quintal e um jardim…

Mudei de cidade, de vida e: PLIM!!!

Estou morando na casa que sonhei!

Sem luxo, sem ostentação, mas confortável, gostosa, aconchegante, tipo… casa de vó!

image

No momento que estou a escrever esse texto (são 19:30 horas do horário de verão),o céu está limpo, claro e eu deitada nessa rede na área de casa.

É nesse momento que fico divagando, lembrando, sonhando e agradecendo a Deus por tanto em minha vida.

image

Daqui vejo a casa para os passarinhos que coloquei no muro.

Eles passam voando perto, fazem ninho no telhado, mas ainda não descobriram a casinha onde coloco água e alpiste.

As pessoas dizem que é assim mesmo até eles se acostumarem, mas vai ser fantástico o dia em que um deles entrar nela!

Vou pular de alegria!

image

image

Ao lado coloquei dois pallets com vasinhos de flores e em baixo plantei agaphantus que ainda vão demorar a florir, mas que tem suas folhas lindas o ano todo.

Lá atrás, no quintal também são dois pallets: um que quando abro a janela do meu quarto, lá está ele como a sorrir dando bom dia.

image

Agora, o outro… é o meu xodó!

Meus temperos!!!

image

Ainda estão crescendo e fico tempo ali ao lado como para ver se crescem mais ligeiro…

image

(Cebolinha, salsa e manjerona)

image

(Hortelã para chá, alecrim e hortelã para tempero)

image

(Tomilho, sálvia e manjericão)

O dia em que cortei um punhadinho de cada para usar, foi a glória!

Tive vontade de beijar cada uma daquelas folhinhas!

O perfume delas encheu minha cozinha!

Estou terminando de escrever e o céu está escurecendo.

A luz do poste bem em frente, acabou de acender.

Os passarinhos já se acomodaram em suas casas e está na hora de também entrar.

E, como diz a guirlanda, “na casa da vó o Natal é mágico”, vai ser, quando meus filhos e netos chegarem, enchendo essa casa de risos, abraços,  alegria e muito amor!

Isso tudo é muito mais do que mereço!

É graça!!!

(Se quiserem saber mais sobre o assunto, leiam o que escrevi em “Gente… como a gente“.

“PORQUE PELA GRAÇA SOIS SALVOS, POR MEIO DA FÉ; E ISSO NÃO VEM DE VÓS; É DOM DE DEUS.” Efésios, 2- 8

 

2 comentários em “CASA DE VÓ

  1. Oi Silvinha querida!!! Estou muuuuito feliz por vc!!! Saiba que vc é uma grande inspiração para mim! Amei a sua casa, o seu cantinho mágico e suas histórias maravilhosas que tocam o coração da gente!!! Te desejo tuuuudo de bom!!!! Saudades!! Beijos!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s