FAMÍLIA NÔMADE

Quer dicas de viagens e hotéis, de programas em Curitiba (principalmente com crianças) e de lugares diferentes?

No blog Família Nômade (http://familianomade.com) você encontra tudo isso!

tati

Quem escreve é a jornalista Tatiana Escosteguy, amiga da minha filha Fabiane.

Elas se formaram juntas, ou seja, eu a conheço há quase vinte anos!

tati 4

A Tati é uma pessoa muito querida na família e, um dos posts que ela fez (Um espaço pra brincar ou tomar café?) tem fotos dos meus netos, Isadora e Heitor.

14.01.15 - 2 - shopping Mueller!.JPG (2)

Aliás, a Tati é mãe da Clara, de dois anos, um encanto de menina.

Ela e os meus netos aproveitaram bastante essas férias para brincarem juntos.

É a amizade de mãe e tia passando para os pequenos!

O nome do blog faz referência ao projeto de vida de Tati, do seu marido Sid, da pequena Clara e do “filho canino” o Dog.

Eles pretendem, ainda esse ano, fazer uma viagem de carro de Curitiba até o Canadá.

No caminho, além de matérias, esperam conhecer outras famílias que vivem nas estradas e que fazem do carro, suas casas e escritórios.

tati 2

Você também pode acompanhar as novidades pela página no Facebook- Família Nômade.

Mais uma ótima sugestão de blog interessante e com conteúdo inteligente!

(Colaboração da minha filha jornalista Fabiane Prohmann).

BURACO QUENTE

Essa receita foi feita pela minha irmã Ângela e eu apenas fotografei.

E comi, é claro!!!

Quando perguntei o nome desse salgado que estava fazendo, ela me respondeu: “Buraco Quente”.

Achei estranho e meio feio para colocar no blog e já estava pensando em batizá-lo com um outro nome, mais pomposo, tipo: “Francesinho Recheado” ou outro qualquer.

Mas pesquisando em outros blogs de receitas, vi que o nome é esse mesmo!

Então… vamos lá para a receita do…Buraco Quente!

pão recheado 1

INGREDIENTES

quantos pães franceses quiser

carne moída temperada à gosto

queijo muçarela cortadinho

requeijão cremoso

Tempere e refogue a carne moída com cebola, alho, e coloque o que quiser, tipo: cheiro verde, azeitonas picadinhas, etc.

Reserve.

Corte a tampinha do pão francês e retire o miolo como na foto.

pão 2

Coloque a carne dentro recheando bem.

pão 3

Coloque um pouquinho de queijo muçarela picado por cima.

pão 4

Em seguida, cubra com o requeijão cremoso.

pão 5

Vá colocando um ao lado do outro, de pé, em uma forma e leve ao forno na hora de servir.

Fica bem crocante e gostoso!

pão 6

Ótimo para servir para crianças e jovens na hora do lanche!

Obrigada mana, pela receita!!!

PRÁ NÃO DIZER QUE NÃO FALEI DE…LIVROS!

Continuando o assunto “Viagem para Bombinhas”, é claro que comprei um livro para levar.

Até demorei para escolher porque estava sem indicação nenhuma e queria um romance leve e gostoso.

E acertei na mosca!

AS_SETE_IRMAS_1404311339P

Levei as “Sete Irmãs” de Lucinda Riley, um romance com 560 páginas de pura beleza!

Esse é o primeiro de uma série de sete livros, um conto épico e arrebatador sobre o amor e perda.

A escritora mergulhou na cultura e na história do nosso país para conhecer os mitos e verdades sobre a construção de um tão querido monumento nosso: o Cristo Redentor!

196

(Aqui quando comecei a ler na sacada do apartamento)

Bombinhas 031

( E lia em todo lugar…)

Não senti falta de companhia na praia, a não ser quando precisava passar o protetor nas costas…

Esse era um momento bem difícil!

É claro que se uma de minhas irmãs ou alguma amiga estivesse comigo seria mais divertido, mas nem por isso deixei de aproveitar.

No hotel eu era a única pessoa só!

– Aquela senhora que está sozinha! Assim se referiam a mim na recepção…

Na praia eu observava: os homens sempre de bermuda, boné, óculos escuros, em baixo do guarda sol e antes das onze horas já estavam pedindo cerveja ao garçom; as mulheres nos seus biquínis, torravam ao sol.

Sexta feira chegou com muitas famílias (por causa do Dia das Crianças) e a toda hora eu ouvia uma menina de mais ou menos cinco anos (idade da minha neta Isadora), chamar:

– Vovó! Vovó!

Aí eu sentia como se fosse eu sendo chamada e olhava a imensidão daquele mar à minha frente e pensava:

-Queridinha, um oceano nos separa!

Nessa hora a garganta dava nó…

Bombinhas 010

E assim terminei o livro e a temporada…

4494

MINHA ENTREVISTA PARA O BELLEZA TOTAL

Hoje recebi na minha casa a equipe do programa Belleza Total. A pauta era receitas para as vovós fazerem para o Dia das Crianças.

image

O programa vai ao ar de segunda à sexta, às 10h30, na Rede Mercosul – Record News Paraná. Entre as muitas receitas, escolhemos fazer bolo de fubá e biscoito bola. Duas receitas simples, fáceis e que as crianças adoram!

No início estava um pouco apreensiva com a entrevista, mas a equipe – Aline Woinarovicz e Rubens Silva – me deixaram super a vontade! Conversamos sobre receitas, histórias infantis e netos. 

 

image

Para a matéria, fiz dois bolos de fubá – um já estava pronto, e o outro foi feito na hora, para mostrar o passo a passo. E duas fornadas de biscoito bola. Ficaram uma delícia!! As receitas já estão aqui no blog.

image

Como a matéria é dedicada às crianças, e sou contadora de histórias, aproveitei a oportunidade para contar uma das minhas historinhas. A escolhida foi O Gato e a Aranha, a preferida da Isadora e do Heitor. 

Essa história já virou desenho, e está no youtube. 

image

Adorei a oportunidade! É sempre bom poder falar de coisas que eu gosto, como minha família,culinária e cultura.

A equipe do programa está de parabéns!! Foi um prazer recebê-los em minha casa!!

Assim que souber a data em que o programa irá ao ar, aviso vocês!

image

 

Depois dessa experiência, nada como uns dias de folga! Vou aproveitar para descansar, mas dia 13 estou de volta, com muitas novidades!

 

SOLIDARIEDADE

Choro…

Pelas incertezas da vida…

Pela criança perdida,

pelas pessoas doentes,

pelas famílias ausentes,

por pais esquisitos,

pelos velhos, esquecidos.

—–

Pela poluição do ar,

por falta do que sonhar,

pela injustiça, pela guerra,

pela falta de paz na terra,

pelo político ladrão

que rouba seu próprio irmão.

—–

Pelo desrespeito,

pelo desfalque aceito,

pela menina abandonada,

pela comida estragada,

pela morte na barriga

tirando de dentro uma vida.

—–

Pela sujeira de rios, mares,

pela destruição de lares,

pelo abraço negado,

pelo perigo a nosso lado,

pelo descaso com Deus

pela influência de ateus.

—–

Que fazer, Senhor?

Enxugue minhas lágrimas!

Solidariedade,

teu nome é amor!

maos_dadas

(Imagem: apenasumservo.blogspot.com)

Poesia do meu livro Um Pouco de Mim.

EQUIPE DO BEM

Dia 20 de agosto desse ano, foi criado o grupo “Equipe do Bem” pela minha sobrinha Michelle.

Ela tem uma história interessante.

Quando tinha seus 12 anos, estava brincando em uma praça no bairro Boqueirão com sua melhor amiga.

Nisso, um carro em alta velocidade entrou praça adentro atropelando as duas meninas.

Sua amiga morreu.

Ela teve apenas alguns arranhões.

Meu pai, pastor, disse que Deus tinha um propósito na vida dela por ter saído ilesa daquele acidente.

E isso vem acontecendo!

Na página do Facebook (Equipe do Bem) você vai encontrar essa foto.

pés descalço

São crianças e famílias inteiras que estão sendo atendidas por essa equipe liderada por ela.

Eles recolhem leite, alimentos, roupas, móveis e brinquedos e vão até os locais mais carentes para fazer a distribuição.

grupos

Michelle é dona de uma agência de eventos, a DW, é casada e tem dois filhos.

Poderia ter se acomodado, mas encarou essa missão muitas vezes árdua, mas que ela sente como uma recompensa em sua vida.

Somente ontem foram beneficiadas 14 famílias, num total de 85 pessoas.

Gente, eles precisam de tudo: móveis que vocês não usam mais, utensílios de cozinha, roupas de cama e banho, livros, além de brinquedos e gêneros alimentícios.

Se preciso, eles vão até vocês para buscar as doações.

É só ligar para o número: 9109-5660

Podemos ajudá-los!

Saiba mais detalhes entrando na página do Facebook “Equipe do Bem” e, como ela mesmo diz: “Juntos somos mais, podemos sim fazer a diferença”!

criança

(Fotos da página da Equipe do Bem- Facebook)

VÍDEO HISTORINHA INFANTIL

Já está no Youtube a última historinha desse primeiro momento e hoje coloco aqui no blog: O GRILO, O RATO E O GATO.

São muitas histórias já escritas, mas sem poder fazer o vídeo.

Isso porque continuamos aguardando o interesse de empresas ou escolas para patrocinar esse empreendimento.

Agradeço muito aos meus amigos: JÜRGEN PFITZNER (COPHTA PRODUÇÕES), ANA CARLA BORTOLONI, MARCO VIEIRA e ERVIN FAST que me atenderam nesse projeto piloto sem receber qualquer gratificação.

Sinto muito que histórias instrutivas para crianças não despertem interesse por parte de escolas e instituições…

Com uma bagagem grande para crianças de diversas idades, continuo batalhando para que, quem sabe um dia, possa ser reconhecido esse nosso trabalho.

Enquanto isso, aproveitem as que estão prontas para mostrar a seus filhos, sobrinhos e netos.

Para entrar diretamente no Youtube e ver os 4 vídeos é só digitar o meu nome: Sílvia Novaes Fernandes

 

 

FAZ DE CONTA

fazconta

Faz de conta que sou feliz.

Que não ouço as notícias,

que não vejo as imagens,

que não existem crianças

passando fome, enjeitadas,

pobreza, analfabetismo,

desemprego e sequestro,

morte e calamidade.

—–

Faz de conta que sou feliz.

Que não percebo seu jeito,

que não sinto as mudanças

não vejo a indiferença,

a falta de sintonia,

de tato, de companhia,

do final se aproximando,

sem querer, me aprisionando.

—–

Faz de conta que mudei tudo.

Que sou forte, poderosa.

Às crianças dei um lar,

comida, escola, vontade

de aprender, de ser alguém.

Empreguei homens, mulheres

e dei um teto também.

—–

Faz de conta que mudei tudo.

Vi você se aproximando

abri meus braços e neles

você se ajuntou sorrindo.

Olhou, como já não fazia,

em meus olhos lá no fundo

e tudo foi paz, alegria

e seguimos pelo mundo.

casal

(Do meu livro Um Pouco de Mim)

Imagens: 1) gestaoadvbr.wordpress.com 2) angela.mulher.zip.net

MEU PEDACINHO DE CHÃO

“Era uma vez um lugar chamado Vila de Santa Fé”.

Assim começou essa novela tão encantadora, cheia de pessoas simples, mostrando que existe vida, além de matanças, ciúmes e maus exemplos que cansamos de assistir a todo instante!

Quem não gostaria de morar nesse lugar encantado?

galo meu pedacinho...

Onde a neve cai de repente deixando tudo branquinho, onde a primavera enche de flores os caminhos, onde a locomotiva vem apitando pelas campinas, onde as crianças brincam sossegadamente, onde as mulheres se vestem com longos vestidos e onde existe a delicadeza de movimentos e música pairando no ar?

E esse faz de conta vai chegando ao fim…

Uma novela com um elenco tão enxuto, mas cheia de grandes nomes!

O que é o pequeno (no tamanho) Osmar Prado e que se tornou um gigante na pele do temível e adorável Coronel Epa?

O que é o formidável Antonio Fagundes que adota um andar puladinho, vestido de dono de bar como um Giácomo tão feio?

E o galã de outras novelas, Rodrigo Lombardi, que como Raj despertava suspiros e aparece agora como um barbudo analfabeto de nome Pedro Falcão?

Os verdadeiros atores são assim mesmo: nos encantam com suas atuações em qualquer papel que se nos apresente… grandes nomes que se dispuseram a deixar seus rótulos de galãs para enfeiarem em sua aparência, mas sem deixar de ser menos maravilhosos!

E ele se mostra apaixonado por sua esposa, a dona Tê (Inês Peixoto) que com seu acordeom deu vida à sua casa e chamando-o de “pai” se mostrou de uma versatilidade tão grande… sem dizer que eu nem conhecia essa atriz!

E aí vem a lindíssima Juliana Paes no papel da irriquieta Catarina que conquistava todos com sua risada aberta, escancarada, cheia de charme.

A “perfessora” Juliana (Bruna Linzmaier) com seus cabelos cor de rosa e que desperta a paixão no fabuloso Zelão (Irandir Santos).

Esse Zelão, sem saber, caiu nas graças de milhares de mulheres que o viram como um homem viril, sedutor e de uma sensibilidade tamanha!

pedacinho-de-ch-eo-blog2

E o jovem Ferdinando (Johnny Massaro) que acaba conquistando o coração da indomável Gina (Paula Barbosa) e vivendo uma linda história de amor?

E por aí vem: Padre Santo, o tão querido Emiliano Queiroz; Rodapé (Flávio Bauraqui) com seu jeito esquisito, cantando enquanto tira o leite da vaca; Amância (Dani Ornellas), uma empregada metida e tão amada; Mãe Benta (Teuda Bara) tão especial no seu papel de benzedeira; o Prefeito das Antas (Ricardo Blat) que ficou praticamente irreconhecível nesse papel; Marimbondo (Fernando Sampaio), Izidoro (Raul Barretto), Rosinha (Letícia Almeida) um rosto lindo que acaba conquistando o solitário italiano Giácomo; Doutor Renato (Bruno Fagundes) em sua primeira novela; Tuim (Kauê Ribeiro de Souza) o amigo querido das duas crianças e mais um casal lindo: Milita (Cintia Dicker) com suas sardas e tranças e Viramundo (Gabriel Sater), romântico e com uma voz suave e gostosa de ouvir…

E tem o Galo Bené, testemunha dos grandes acontecimentos da Vila.

E, por último, as duas crianças que, para mim, foram a grande revelação da novela: Pituquinha (Geytsa Garcia) e Serelepe (Tomás Sampaio).

O que eram essas crianças lendo, ou melhor, devorando os livros de Monteiro Lobato?

E a vontade de aprender que as pessoas tinham e a atual crítica sobre a política brasileira, tudo de uma maneira sutil e verdadeira?

Esse vídeo abaixo vai levar vocês a uma viagem musical com todos os personagens dessa novela.

Não deixem de assistir: é emocionante “por demais” e a música Chuá Chuá é um clássico sertanejo lindo!

CHUÁ CHUÁ

Benedito Ruy Barbosa é o autor dessa novela encantadora que já está deixando saudades…

Que venham mais “pedacinhos de chão” para nos encantar e sonhar com novos “Zelões” e que nos levem a voar sobre jardins floridos…

Imagem 1: redeglobo.globo.com; imagem 2: blogs.odiario.com

A NOVIDADE CHEGOU!!!

Há tempos venho colocando a figura de uma velhinha simpática avisando que vem novidades no blog.

Pois é… essa velhinha simpática é a vovó Sílvia, contadora de histórias!

chamadaHistórias da vovó Sílvia

Venho escrevendo já há algum tempo.

E sonhando muito!

Fiz, ano passado, um livro para minha neta com o papel mais grosso e ilustrações que tirei do Google.

Levei na copiadora que finalizou com uma capa dura onde estava escrito: “Histórias da Vovó Sílvia”.

Oito historinhas que ela adorou!

E assim eu lia minhas próprias histórias para ela.

Foi quando percebi que, em meu blog, nunca tinha colocado nenhum vídeo…

Então por que não fazer um vídeo dessas historinhas?

Conversei com muita gente e, às vezes, quase desistia dizendo:

– Gente, eu só sei escrever!

Tudo era muito complicado para mim.

Mas acabei me aliando à pessoas que sabiam tudo sobre o que eu não entendia nada!

Aí entrei em um estúdio para fazer a gravação.

Sim, eu queria contar as histórias com minha própria voz (afinal não é a toa que tenho curso de locução)!

E as ilustrações foram tomando forma e o som preenchendo o vazio.

Até que hoje eu tenho a alegria de postar os dois primeiro vídeos das muitas histórias que tenho para contar.

Esses são para crianças de 2 a 5 anos.

Se quiserem entrar na minha página do youtube, o link é:

https://www.youtube.com/channel/UCwBoa3KhRwn07ZpHWYUCQ3w

Espero que gostem como eu, que adorei fazê-los!