DIA DAS MÃES

Se eu tivesse que definir minha mãe em uma palavra apenas, essa seria ALEGRIA!

minha mãe jovem

E, por isso, não vou escrever sobre o dia das mães de uma maneira triste, onde choramos em cada linha.

E nos meus guardados, encontrei esse texto de Hilda Lucas que define as mães de uma maneira sincera, generosa e autêntica.

Mãe faz cada coisa…

“Mãe é aquele ser estranho, louco, capaz de heroísmos, dramas e breguices com a mesma fúria; paga mico, escreve carta para Papai Noel, se faz passar por Fadinha do Dente, Coelho da Páscoa, Cuca, pede autógrafos para artistas deploráveis, assiste a programas, peças, shows horríveis, revê milhares de vezes os mesmos desenhos animados, conta as mesmas histórias centenas de vezes, vai prá Disney e ADORA! 

Mãe faz escândalo, tira satisfação com professor, berra em público,dá vexame, deixa a gente sem graça, compra briga; é espaçosa, barulhenta, tendenciosa, leoa, tiete, dona da gente. 

Mãe desperta extremos, ganas, irrita, enlouquece, mas… é mãe!

Mãe faz promessa, prestação, hora extra, prá que a gente tenha o que é preciso e o que sonha. Mãe surta, passa dos limites, às vezes até bate, diz coisas duras; mãe pede desculpas, mortificada… Mãe é um bicho doido, louco pela cria. Mãe é visceral!

desenho-de-maes-9

Mãe chora em apresentação de balé, em competição de natação, quando a filha menstrua pela primeira vez, quando dá o primeiro beijo, quando vê a filha apaixonada no casamento, no parto… Xinga todo e cada desgraçado que faz a filha sofrer, enlouquece esperando ela ou ele chegar da balada… Mãe é uma espécie esquisita que se alterna entre fada e bruxa com uma naturalidade espantosa. É competente no item culpa e insuperável no item ternura, mas pode ser virulenta, tem um lado B às vezes C,  D, E… Mãe é melosa, excessiva, obsessiva, repulsiva, comovente, histérica, mas não se é feliz sem uma. Mãe é contrato: irrevogável, vitalício, intransferível!

Mãe lê pensamento, tem premonição, sonhos estranhos. Conhece cara de choro, de gripe, de medo; entra sem bater, liga de madrugada, pede favor chato, palpita e implica com amigos, namorados,escolhas. Mãe dá a roupa de corpo, tempo, dinheiro, conselho, cuidado, proteção. Mãe dá um jeito, dá nó, dá bronca, dá força. Mãe cura cólica, porre, tristeza, pânico noturno, medos. Espanta monstros, pesadelos, bactérias, mosquitos, perigos. Mãe tem intuição e é messiânica: mãe salva. Mãe guarda tesouros, conta histórias e tece lembranças. Mãe é arquivo!

mãe f mamad

Mãe exagera, exaure, extrapola. Mãe transborda, inunda, transcende. Ama, desmama, desarma, denota, manda, desmanda, desanda, demanda. Rumina o passado, remói dores, dá o troco, adora uma cobrança e um perdão lacrimoso.

Mãe abriga, afaga, alisa, lambe, conhece as batidas do nosso coração, o toque dos nossos dedos, as cores do nosso olhar e ouve música quando a gente ri.  Mãe tem coração de mãe!

Mãe é pedra no caminho, é rumo, é pedra no sapato, é rocha, é drama mexicano, tragédia grega e comédia italiana; é o maior dos clássicos, é colo, cadeira de balanço e divã de terapeuta. Mãe é madona-mia! É Deus me acuda! É mãezinha do céu, é a que padece no paraíso enquanto nos inferniza… Mãe é absurda e inexoravelmente para sempre e é uma só: não há mistério maior! Só cabe uma mãe na vida de um filho… e olhe lá! Às vezes, nem cabe inteira.

Mãe é imensurável! Mãe é a saudade instalada desde o instante em que descobrimos a morte. Mãe é eterna, não morre jamais. Bicho estranho, entranha, milagre, façanha, matriz, alma, carne viva, laço de sangue, flor da pele.

Mãe é mãe e faz cada coisa…”

eu e minha mãe

Minha última foto tirada com minha mãe em 2001… minha homenagem a ela que era tudo isso e muito, muito mais!!!

Imagens: 1) http://www.novidadediaria.com.br; 2) enrebdomdaniel.blogspot.com

VIAGEM DE SONHO: DISNEY!!!

Para comemorar meu aniversário hoje e também os mais de 20.000 acessos ao blog, nada melhor do que entrar no reino encantado da Disney!

Vou apenas colocar algumas fotos dessa viagem que foi em 2013 e que foi inesquecível para mim, que escrevo histórias infantis!

Duas semanas de puro encantamento!!!

Das mais de 5000 fotos que tiramos lá, a primeira não podia ser diferente: “Era uma vez”!!!

1

Quando vi o castelo da Cinderela ao longe… chorei!!!

2

Nessa foto estão minha filha Viviane, seu marido André e meu neto Heitor no colo, nessa época com 1 ano e 2 meses. (Paulo aparece lá atrás).

3

E nessa outra, minha filha Fabiane, que tem uma matéria linda dela sobre a Disney indicada no “Para aproveitar as férias”, um texto com o título de “Disney, um lugar para todas as idades”.

4

E, nessa outra, meu filho Paulo Emílio com minha nora Patrícia, já a caráter! Ainda não tínhamos o Cesar, então vamos ter que ir novamente para levá-lo ( claro que a vovó vai junto!!!)

5

E aqui, nossa princesa Isadora! Linda e aproveitando todos os momentos! 

6

E o Heitor, que nessa viagem não curtiu muito, mas já foi novamente e tirou o atraso…

7

E eu… feliz, feliz!!!!! (Epcot Center)

8

Nessa, abaixo, no hotel onde ficamos (All Star Movies).

11

E eram passeios e mais passeios: à noite, de trem, de balão, nos brinquedos e parques!

9

10

12

13

20

14

21

22

E as compras, então? Loucura total!!!

15

16 (1)

E os jantares? Muito chique!!!

17

18 (1)

E claro, minha gratidão a minha família que foi perfeita nessa viagem e a ele: Walt Disney, o criador dessa maravilha!

23

E deixo aqui, um pensamento que li hoje na minha devocional diária: “A paz está apenas a uma oração de distância”!

 

DUNGA, O ANÃO QUE NÃO ERA MUDO

Há muitos e muitos anos atrás, dois irmãos muito amigos, começaram a escrever histórias.

E entre todas que escreveram a que mais gosto é a de Branca de Neve e os Sete Anões, não, por acaso, eu ser um deles…

Até aí tudo bem.

Como sou o mais novo dos sete, minha barba ainda não tinha aparecido como a dos outros e, por isso, fiquei diferente.

Dunga

Aí surge o Walt em nossas vidas!

Uma pessoa fabulosa que transformou nossa história em um filme de desenho animado que fez um sucesso estrondoso em todo o mundo.

Só que na hora de gravarem as vozes dos personagens, cada um ficava bem com a escolhida, menos eu… parece que ninguém tinha uma voz que combinasse comigo…

Então, Walt Disney me deixou mudo!

Fiquei conhecido como Dunga, o anão mudo!

Mas vou contar agora, porque falo, e muito, algumas coisas sobre a história que somente eu sei.

Branca de Neve era realmente linda!

E muito boazinha!

Depois de tudo o que ela passou nas mãos daquela madrasta malvada, ela chegou a nossa casa levada pelos animaizinhos da floresta.

Quando voltamos do trabalho na mina, a encontramos dormindo em nossas camas.

É claro que nos assustamos!

Mas a medida que os dias passavam nos afeiçoamos a ela como uma irmã mais velha.

Foi comigo que ela dançou uma valsa pela primeira vez.

E era eu quem dava palpites na sua comida porque, aqui entre nós, esse não era seu forte.

Foi por querer experimentar uma receita de torta de maçãs é que ela abriu a porta para uma velhinha (que não era outra se não sua madrasta transformada) deixando-a entrar.

E mordeu a maçã envenenada.

Claro que choramos muito.

Mas vou contar mais uma coisa: fui eu quem foi atrás do príncipe que estava caçando por ali, contando sobre o ocorrido e trazendo-o até a clareira onde estava Branca de Neve adormecida.

Ele chegou, ajoelhou-se ao lado dela, beijou-a e o encanto se quebrou.

Foram embora montados em um cavalo branco.

E sabem quem escreveu a última frase da história?

Eu, é claro e o que escrevi foi:

“E viveram felizes para sempre!”

walt4

(Baseada na história de Branca de Neve e os Sete Anões dos irmãos Grimn)

Imagens: 1) pt-br.disney.wikia.com; 2) fe.epaentretenimento.com

 

 

PARA APROVEITAR AS FÉRIAS!

Disney 26.04.13 (1622) - Magic Kingdom

Muito se tem escrito sobre as maravilhas da Disney!

Eu digo que é impossível descrever…é muito mais que palavras, é entrar na história do “faz de conta” que ouvimos desde crianças.

Para quem está indo agora nesse mês de julho, a dica é pegar a REVISTA AGENTE URGENTE, de maio/junho, em qualquer agência de turismo.

Ela tem distribuição gratuita e é da ABAV (Associação Brasileira de Agentes de Viagens).

Além de outras tantas informações interessantes, indico “DISNEY, UM LUGAR PARA TODAS AS IDADES”, texto da minha filha Fabiane Prohmann, jornalista e que foi muito feliz ao descrever os parques e todas as atrações neles.

O link é:

http://agenteurgente.wordpress.com

Não deixem de ler!