UMA VISITA MUITO “GIRA”!!!

Aqui em Luanda tenho aprendido muitas palavras novas e, uma das que anotei foi essa: “gira” que quer dizer “legal”!

Foi quando visitei o Colégio dos meus netos pela primeira vez e uma ajudante comentou com outra:

-O cabelo da avó da Isadora é gira!

Fiquei sem saber o que era e perguntei a Isadora.

_Não vovó, não é ruim não… é bom! É legal!

É, meus cabelos brancos andam fazendo sucesso por aqui (ou como eles diriam: “estão a fazer sucesso!”)

(A primeira foto é na frente do Colégio; abaixo o complexo esportivo e a terceira somos nós em frente a um baobá, ou imbundeiro, também na frente do Colégio).

O CSFA (Colégio São Francisco de Assis) de Luanda é um estabelecimento de ensino de Currículo Completo Português, localizado em Talatona, que assegura a educação pré-escolar (3 anos) até ao ingresso na Universidade.

Como eles estavam comemorando a Semana da Família, fui convidada a falar nas turmas dos meus dois netos.

No primeiro dia, fui à sala da quarta série da professora Ada onde Isadora estuda.

Falei por mais ou menos meia hora sobre “como se tornar um escritor” e os 23 alunos ficaram muito interessados e me encheram de perguntas!

Contei dos livros que escrevi e sobre o mais novo a ser lançado na minha volta ao Brasil e que é direcionado às suas idades.

Pediram para eu contar alguma história dele e resumidamente contei.

Foi super gratificante e ao final, vieram com folhas e cadernos para eu autografar…

Me senti tão importante!

Em outro dia marcado, foi a vez de visitar a sala do Pré, da professora Teresa, onde estuda o Heitor.

Eles já me esperavam ansiosos!

Sentei em uma cadeira baixa e eles em volta no chão.

Aí a “Contadora de Histórias” colocou um laço de fita no cabelo e começou a contar a história da Dona Baratinha (que aqui se chama Dona Carochinha).

Cantei, fiz as vozes dos personagens, interagi com eles e foi realmente um momento mágico!

(Aqui com a professora Teresa)

Depois que saí da sala, a professora pediu que seus alunos desenhassem aquilo que mais gostaram na história e eles fizeram um pouco de tudo.

Até o caldeirão de feijoada onde o Dom Ratão caiu, foi desenhado (pelo Heitor, que me explicou…).

E hoje, 25 de maio, é o dia da África e os alunos foram vestidos à caráter!

(Isadora e Heitor na frente do Colégio)

Este dia recorda a luta pela independência do continente africano, contra a colonização européia e contra o regime do Apartheid, assim como simboliza o desejo de um continente mais unido, organizado, desenvolvido e livre. 

FELIZ DIA DA ÁFRICA!!!

“LEVANTA-TE, RESPLANDECE, PORQUE JÁ VEM A TUA LUZ, E A GLÓRIA DO SENHOR VAI NASCENDO SOBRE TI.” Isaías, 60-1